ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por pfad em Seg 09 Out 2017, 17:23

Viva,
Comecei há pouco a explorar este fantástico mundo da relojoaria e, como é natural, há coisas que ainda tenho bastante dificuldade em perceber...
Uma delas é o peso que um determinado movimento tem no preço final de um relógio.

O caso do ETA 2824-2 parece-me ser paradigmático. É um movimento que é usado por tudo o que é marca suíça e não/suíça e a disparidades de preços é enorme!

Como exemplo: o meu Hamilton khaki Field tem este movimento e custa na casa dos 400-500€. Há dias estive a olhar para os Laco Pilot, que também usam o mesmo movimento mas custam perto dos 2000€!
Ambos são de aço inoxidável e têm vidro de safira. Porquê esta discrepância tão grande?
avatar
pfad

Mensagens : 71
Data de inscrição : 11/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Girão em Seg 09 Out 2017, 18:06

@pfad escreveu:Viva,
Comecei há pouco a explorar este fantástico mundo da relojoaria e, como é natural, há coisas que ainda tenho bastante dificuldade em perceber...
Uma delas é o peso que um determinado movimento tem no preço final de um relógio.

O caso do ETA 2824-2 parece-me ser paradigmático. É um movimento que é usado por tudo o que é marca suíça e não/suíça e a disparidades de preços é enorme!

Como exemplo: o meu Hamilton khaki Field tem este movimento e custa na casa dos 400-500€. Há dias estive a olhar para os Laco Pilot, que também usam o mesmo movimento mas custam perto dos 2000€!
Ambos são de aço inoxidável e têm vidro de safira. Porquê esta discrepância tão grande?
Também eu tenho "alguma dificuldade" em perceber algumas questões Rolling Eyes
Quem se preocupa, detecta os valores dispares, mas, há quem pague sem se preocupar com detalhes... Apenas o nome interessa... O nome "vale" €€...
Por vezes há diferenças na qualidade de acabamentos, a qualidade do aço, etc.


Última edição por Girão em Seg 09 Out 2017, 18:34, editado 1 vez(es)
avatar
Girão

Mensagens : 521
Data de inscrição : 19/04/2015

http://paixaoporrelogiosvintage.blogspot.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por m84 em Seg 09 Out 2017, 18:20

Se queres o verdadeiro valor, aqui tens:
http://www.ofrei.com/page_183.html > 240USD em saldo.

É evidente que existem varias marcas/modelos que utilizam diversos movimentos do mesmo fornecedor e com preços igualmente variados.
E enquanto eu também acho um pouco ridículo um relógio custar 300/400 e outro com o mesmo mecanismo custar 1500, penso que é como o @Girão diz e bem. O nome também vale, e nem todos os acabamentos e nem a qualidade de construção é a mesma. Agora, se isto justifica pagar-se mais do dobro por um relógio, só cada um é que sabe!

Já dizia o Benjamin Clymer da Hodinkee:
Let's be clear about one thing: a movement is a vital part of any watch, but it does not make a watch. Consider many of the Lemania calibers, or the Valjoux 72 or 7750. Consider the ETA 2892, or the Peseux 260 caliber – these movements have been used for decades, in watches spanning myriad price ranges. Don't get caught up in the movement comparison game that so many watch fans love to play. There is much more to a watch than just the movement, and experts look just as carefully at case construction, dial design, and exterior finishing as they do at movement characteristics (not to mention movement finishing) in determining the quality of any watch. Movements matter, but so do other things.
avatar
m84

Mensagens : 897
Data de inscrição : 07/04/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por nmfl em Ter 10 Out 2017, 22:49

Atenção que as marcas fazem alterações aos movimentos quando os introduzem nos seus próprios relógios, por isso o preço do movimento não é assim tão linear. Depois, é como referiram os colegas: há uma série de fatores que influenciam o preço final de cada peça. O movimento é só um deles. Alguns desses factores nem sequer têm a ver com a qualidade final da peça mas sim com coisas como o marketing, a exclusividade da marca, a especulação e as modas, etc. Há por aí muitas marcas dispendiosas que não me suscitam qualquer interesse e mais depressa comprava um Hamilton ou um Tissot que, com mais uma ou duas marcas, estão num "sweet spot" de qualidade/preço.
avatar
nmfl

Mensagens : 163
Data de inscrição : 25/04/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por pfad em Qua 11 Out 2017, 00:50

@nmfl escreveu:Atenção que as marcas fazem alterações aos movimentos quando os introduzem nos seus próprios relógios, por isso o preço do movimento não é assim tão linear. Depois, é como referiram os colegas: há uma série de fatores que influenciam o preço final de cada peça. O movimento é só um deles. Alguns desses factores nem sequer têm a ver com a qualidade final da peça mas sim com coisas como o marketing, a exclusividade da marca, a especulação e as modas, etc. Há por aí muitas marcas dispendiosas que não me suscitam qualquer interesse e mais depressa comprava um Hamilton ou um Tissot que, com mais uma ou duas marcas, estão num "sweet spot" de qualidade/preço.
Acho que percebo o que dizes.
E também vou percebendo a questão do empolamento do "Branding" e a consequência que tem no preço final dos relógios.
Não pondo em causa a qualidade do trabalho dos rapazes, os suíços e a sua certificação COSC, conseguem alavancar a sua indústriae vendas de forma notável, criando um "ideário de perfeição", como a Apple ou Mercedes fazem nas respetivas áreas de negócio.

Para mim, que tenho de contar os € a toda a hora, é importantíssimo encontrar o tal sweet spot entre preço - qualidade e encanto. Por isso mesmo, cada vez olho com mais atenção e curiosidade para o mercado nipónico...
avatar
pfad

Mensagens : 71
Data de inscrição : 11/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Sansoni7 em Qua 11 Out 2017, 08:45

@pfad escreveu:.... Por isso mesmo, cada vez olho com mais atenção e curiosidade para o mercado nipónico...

E eu também...nipónico e russo. Very Happy


Última edição por Sansoni7 em Qua 11 Out 2017, 09:38, editado 1 vez(es)
avatar
Sansoni7

Mensagens : 1066
Data de inscrição : 08/02/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por nmfl em Qua 11 Out 2017, 09:06

Sou fã dos suíços - nunca poderei ter um IWC ou algo desse patamar , mas isso não me frustra. Gosto muito das marcas de gama baixa-média às quais os comuns mortais podem aceder, há muitas opções de qualidade. Dos japoneses apenas sou fã confesso da Seiko, que também incluo na tal relação qualidade/preço.

Em termos de "sweet spot" de qualidade/preço, também gosto dos alemães. Com movimentos suíços ou japoneses, há ofertas muito interessantes e de grande classe.

avatar
nmfl

Mensagens : 163
Data de inscrição : 25/04/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Sansoni7 em Qua 11 Out 2017, 09:40

Eu como pouco percebo deste «mundo dos relógios», ainda me guio muito pelo aspecto exterior dando preferência, claro, pelos relógios mecânicos.
avatar
Sansoni7

Mensagens : 1066
Data de inscrição : 08/02/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por pfad em Qua 11 Out 2017, 10:16

@nmfl escreveu:Em termos de "sweet spot" de qualidade/preço, também gosto dos alemães. Com movimentos suíços ou japoneses, há ofertas muito interessantes e de grande classe.

Curiosamente, foi uma marca alemã que me fez questionar sobre este assunto, nomeadamente a Laco. Os modelos mais baratos (acima dos 300€) têm um movimento Myota. Os modelos mais apelativos têm movimentos ETA mas custam quase 2000€...

Quando mencionei os nipónicos, estava a pensar concretamente nos Seiko. É fantástico como os seus modelos de 300€ competem lado a lado com suíços de 500€. A diferença de 200€ é muito significativa para máquinas neste "price range"
avatar
pfad

Mensagens : 71
Data de inscrição : 11/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por nmfl em Qua 11 Out 2017, 10:43

@pfad escreveu:
Curiosamente, foi uma marca alemã que me fez questionar sobre este assunto, nomeadamente a Laco. Os modelos mais baratos (acima dos 300€) têm um movimento Myota. Os modelos mais apelativos têm movimentos ETA mas custam quase 2000€...

Concordo, tanto que esse Laco Flieger com movimento Miyota está na minha shortlist de possíveis aquisições a curto/médio prazo, é uma peça muito interessante, cheia de história e com um design emblemático e muito replicado. Realmente é difícil compreender a diferença abismal de preço para as versões ETA. Lá está, creio que, além do movimento, é preciso considerar o nível superior de finalização e aperfeiçoamento da versão mais cara, provavelmente um melhor controlo de qualidade e... o factor psicológico, que também se paga Very Happy

Quando mencionei os nipónicos, estava a pensar concretamente nos Seiko. É fantástico como os seus modelos de 300€ competem lado a lado com suíços de 500€. A diferença de 200€ é muito significativa para máquinas neste "price range"

Concordo. Com 300 € ou até 200 € já se compra uma excelente máquina Seiko e 100% fabricada no Japão. É claro que os snobs dos relógios dirão sempre "que é só um Seiko", mas comprar relógios ou seja o que for para impressionar terceiros é coisa mais fútil que pode haver. Para quem procura estilo, história e qualidade, é uma grande marca.
avatar
nmfl

Mensagens : 163
Data de inscrição : 25/04/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por watchandco em Qua 11 Out 2017, 22:20

Boa questão. Já foi dito que um relógio não é só o movimento e concordo. Mesmo nos movimentos ETA existem níveis de acabamento, materiais usados na “main spring” e precisão. O movimento de um IWC não é certamente 100% igual ao de um Hamilton. Mto menos o resto.

Se vale a diferença de preço entre um e outro? Isso já depende da “paixão” de cada um...
avatar
watchandco

Mensagens : 92
Data de inscrição : 19/04/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por the abyss em Qua 11 Out 2017, 23:10

@nmfl escreveu:Atenção que as marcas fazem alterações aos movimentos quando os introduzem nos seus próprios relógios, por isso o preço do movimento não é assim tão linear. Depois, é como referiram os colegas: há uma série de fatores que influenciam o preço final de cada peça. O movimento é só um deles. Alguns desses factores nem sequer têm a ver com a qualidade final da peça mas sim com coisas como o marketing, a exclusividade da marca, a especulação e as modas, etc. Há por aí muitas marcas dispendiosas que não me suscitam qualquer interesse e mais depressa comprava um Hamilton ou um Tissot que, com mais uma ou duas marcas, estão num "sweet spot" de qualidade/preço.

É isto.

Não podemos olhar para um movimento e julgar que são iguais, estejam montados num Hamilton, Tissot, Certina ou num Breitling. ou IWC.

Um 7750 que está num Fortis não é o mesmo que o 7750 de um IWC Scafusia.

Há marcas que compram um 2824 e o montam sem praticamente o alterar(o nome da marca no rotor, ou pouco mais); outras que o alteram de forma significativa, bastante melhorado.

E mesmo os 2824(e outros calibres), têm diversos graus de acabamento, desde os mais básicos Standard até aos Chronometer.

Uns têm etachocs, outros incabloc, um 2824 Standard vem ajustado até + 20 seg/dia e um chronometer em padrões cronómetro, por algo será. Cool



Tentando fazer uma analogia será algo como ter um motor 1.4 do grupo VAG que equipa um GolfV e tem 75 cv e um Golf VI ou VII com um 1.4 TSI de 170cv. O bloco é o mesmo, mas o resto...e isso, claro está, reflectir-se-á no preço.

avatar
the abyss

Mensagens : 244
Data de inscrição : 26/02/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Sansoni7 em Qui 12 Out 2017, 08:36

Porque não tenho «bagagem suficiente» assisto, da bancada, a esta discussão....e tento aprender.
Continuem.....
avatar
Sansoni7

Mensagens : 1066
Data de inscrição : 08/02/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Pedro Pereira em Sex 13 Out 2017, 22:25

Boas Very Happy

A analogia do motor do carro parece-me uma boa maneira de ilustrar as diferenças que existem entre os graus de acabamento do famoso cavalo de batalha, ETA 2824.

A tabela  que o Abyss meteu é interessante e esclarecedora  mesmo que de repente possa parecer confusa.

Dividem-se em 4 graus :  Standard grade,Elabore grade,Top grade e Chronometer grade.


Esta é a parte fácil da questão  Laughing

Presumo que o 2824 que vem dentro do Hamilton Khaki não seja igual ao que vem dentro do Tudor Black Bay.

O problema das marcas Suiças é um bocado o esconder o jogo,porque quando vamos aos sites encontramos muito pouca informação sobre os calibres utilizados,nomeadamente sobre o grade do calibre 2824 anunciado.

Há exceções como por exemplo a Steinhart ( marca Alemã,por acaso ) que a esse respeito é bastante transparente.

Mas reparem... Marcas como a Steinhart não vivem da história do passado. e não têm pedigree.

A mensagem deles é do tipo: Vejam o que nós conseguimos fazer ao preço que conseguimos fazer.

Se entrarem agora no site da Hamilton ficamos a saber que o "motor" da série Khaki é um H10.

E se quiseres saber o que é um H10,vamos à procura na web...

Sim,porque sempre podemos ter a esperança que seja um calibre completamente novo e in house   Laughing

Portanto...   Deixou de ser ETA 2824 para ser um H10,mas não houve alteração nos preços por esse motivo.

Agora a Tudor...

Um dia destes passava eu em Cascais em frente ao Torres e enfim...  Dei comigo a namorar o Black Bay quando reparo que o preço estava nos 3000 e muitos euros,quando eu era capaz de jurar que andava pelos 2000 e muitos euros.

Juro que pensei " Zona turística,vamos lá encarecer para o turista".

Mas não...  

Curioso com o porquê da subida de preço de mais ou menos 1000 euros,fui tentar  investigar e voilá...

O novo Black Bay tem agora um calibre própio da Tudor.  O MT5612

Que também era utilizado no outro modelo,Pelagos.

Percebem a diferença?


Última edição por Pedro Pereira em Sex 13 Out 2017, 22:44, editado 1 vez(es)
avatar
Pedro Pereira

Mensagens : 273
Data de inscrição : 04/11/2016
Idade : 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por pfad em Sex 13 Out 2017, 22:36

@Pedro Pereira escreveu:O novo Black Bay tem agora um calibre própio da Tudor.  O MT5612

Que também era utilizado no outro modelo,Pelagos.

Percebem a diferença?
Boas,
Por ser totalmente leigo neste mundo, esclarece-me, por favor: a qualidade superior desse novo calibre traduz-se em quê, concretamente?
- maior exatidão/eficácia?
- maior robustez/durabilidade?
- mecanismo mais embelezado?
- exclusivismo para colecionista?

avatar
pfad

Mensagens : 71
Data de inscrição : 11/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Pedro Pereira em Sex 13 Out 2017, 23:19

Olá pfad Smile

Somos dois leigos,então Laughing

Não sei reponder,confesso...

Assim de repente acho que o power reserve é maior e em relação à exactidão/eficácia ao nivel de um chronometer grade da ETA.

Mas num relógio destes,menos não poderia ser...

Se eu estivesse a pensar em comprar um Black Bay da Tudor,até porque gosto do relógio,preferia comprar a versão equipada com o ETA 2824.

Pela diferença de preço e porque na altura da revisão,há mais opcções no mercado em termos de relojoeiros.

Na questão da robustez/durabilidade,se procurares na web,tens muitos artigos a falar sobre o assunto,mas pessoalmente não acredito que seja melhor.

Os calibres não têm um tempo de vida útil,ou usando a analogia dos motores dos automoveis,necessidade de revisões regulares sob pena da máquina gripar,parar,etc...

Quanto à exclusividade,enfim... sempre é um calibre In House,portanto aparentemente tem outro valor...

Digo aparentemente,porque se quisermos sermos racionais sobre estas coisas,temos então que perceber o que se quer dizer com isto de In House e aí temos de ir à procura de quem sabe.

Mas podemos ter a abordagem romantica...

Tudor é uma marca da Rolex,portanto podíamos ser levados até a pensar que temos uma mãozinha da Rolex,neste calibre.

Que por acaso,acho que não...



avatar
Pedro Pereira

Mensagens : 273
Data de inscrição : 04/11/2016
Idade : 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Pedro Pereira em Sab 14 Out 2017, 17:42

[quote="

Na questão da robustez/durabilidade,se procurares na web,tens muitos artigos a falar sobre o assunto,mas pessoalmente não acredito que seja melhor.

Os calibres não têm um tempo de vida útil,ou usando a analogia dos motores dos automoveis,necessidade de revisões regulares sob pena da máquina gripar,parar,etc...

[/quote]

Estive a reler o que escrevi e era só para esclarecer...

O que quero dizer não é que um relógio não precise de manutenção ao fim de X tempo....

Todos eles precisam,mais tarde ou mais cedo.

O que queria dizer é que um relógio,ou melhor,um mecanismo não tem um tempo de vida útil mensurável em X horas.

Do tipo... Calibre eta 2824 2 chronometer grade dura 5000 horas

Calibre MT5612 da Tudor dura 7500 horas

Se as coisas funcionassem assim,então tudo era mais fácil,mas não é assim...

Duram todos o mesmo na medida em que nunca ninguem sabe quando vai começar a ter variações no comportamento.

E até entre eles.... Cada relógio e cada mecanismo é uma peça única. Também é uma questão de sorte ou azar...

Um bocado também como nos carros.... Há que compre o modelo X da marca Y e diga que o carro não lhe deu problemas durante 15 anos.

Falamos com outro e diz que ao fim de 2/3 anos,já não estava para aturar um carro com tantos problemas e despachou-o.

avatar
Pedro Pereira

Mensagens : 273
Data de inscrição : 04/11/2016
Idade : 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por m84 em Ter 17 Out 2017, 14:47

Bem explicado e boas analogias, @the abyss e @Pedro Pereira! Smile

Acho que o exemplo da Tudor neste caso, não é bem a mesma coisa que o exemplo do Hamilton. Ou seja, enquanto o H10 é uma adaptação/melhoria do 2842 (é o que dizem), o MT5612 foi, supostamente, criado de raiz pela própria casa. Daí o in-house/manufacture, e daí o aumento de preço, pois acarreta outros factores em si, incluindo a tal noção mais romântica da coisa.

Mas ao fim ao cabo, como já foi dito, a justificação na diferença de preço será a cabo de cada carteira, claro.
avatar
m84

Mensagens : 897
Data de inscrição : 07/04/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Pedro Pereira em Sab 28 Out 2017, 17:23

Boas Very Happy

Ontem passei no CascaisShopping e fiz melhor as contas... O Black Bay da Tudor equipado com o calibre Eta custava qualquer coisa como 2800 e tal euros...

Agora custam 3250 euros ( não me lembro da terminação na casa das dezenas ).

Portanto,não são 1000 euros de diferença! Anda perto dos 500 euros...

Ainda assim,preferia a versão Eta do Black Bay...

O calibre H10 da Hamilton é um automático e não de carga manual...
avatar
Pedro Pereira

Mensagens : 273
Data de inscrição : 04/11/2016
Idade : 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por bladerunner68 em Ter 31 Out 2017, 23:25

Olá, Boa Noite

Aproveito este post para me apresentar ao forum e iniciar a minha partilha de experiencias que espero ser proveitosa e longa de futuro..
Sou desde ha algum tempo um curioso destas coisas da relojoaria, e como tenho também algum jeito para o "bricolaje", comprei varias ferramentas e tento fazer as minhas reparações e restauros "home made"..
Com isso tento fazer renascer para a vida "timepieces" dadas por mortas que depois ou ficam para minha coleção, ou se não me fascinam o suficiente vendo ou troco para ajudar a financiar outras do meu agrado. Não sou um "coleccionador" descontrolado, mas antes selectivo e criterioso. Cada maluco com a sua tara!!
Aproveito o post "ETA 2824-2" para vos apresentar uma destas minhas experiencias: um relógio "home made" que nasceu quando encontrei no mercado um calibre ETA 2428-2 genuíno e dourado e depois combinei com uma caixa "ebay" dos historicos Ollech & Wajs e uma pulseira NATO adequada e resultou a maquina que anexo nas fotos. Foi o meu relogio de fim de semana durante 1 mes.. Agradável, ligeiro, tamanho adequado, combinando vintage-moderno & com uma escala regressiva de minutos..
No entanto estas coisas tem que me tocar no coração e não aconteceu o "click" e vou vende-lo ou troca-lo para financiar um cronografo Valjoux 7334 ou Venus 200 triple-date dos anos 60..

A minha ideia não é partilhar no forum unicamente para vender, mas juntando juntando o "util ao agradável" este espaço é seguramente ótimo para partilhar, disfrutar e seguramente também trocar & vender.

Gostava de ter a vossa opinião sobre o meu ETA 2824-2 100% Suiço mas "assembly in Portugal"..

P.S: O relógio está à venda nos sites habituais nacionais e internacionais e se houver curiosidade facilmente o localizam pela busca "Ollech & Wajs ETA 2824-2"..







Bladerunner68
avatar
bladerunner68

Mensagens : 23
Data de inscrição : 30/10/2017
Idade : 49
Localização : Valongo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Sansoni7 em Qui 02 Nov 2017, 07:58

Bem vindo, Bladerunner68.
também gostava de saber «bolir» nos relógios, quem sabe, um dia.....
avatar
Sansoni7

Mensagens : 1066
Data de inscrição : 08/02/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Pedro Pereira em Sab 04 Nov 2017, 21:28

Bem vindo Blade Very Happy

Alguem que saiba "trabalhar" nos relógios é sempre uma mais valia...
avatar
Pedro Pereira

Mensagens : 273
Data de inscrição : 04/11/2016
Idade : 47

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por m84 em Seg 06 Nov 2017, 10:44

Olá @bladerunner68, não sendo este o tópico de apresentações, bem vindo na mesma!
Bricolage é sempre interessante! Smile

Espero que continues por cá a partilhar os teus conhecimentos, mas atenção às regras gerais do fórum e de compra/venda. Wink

Cumprimentos,
avatar
m84

Mensagens : 897
Data de inscrição : 07/04/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por pfad em Qui 16 Nov 2017, 11:32

Viva,
Volto a este tópico para vos pedir ajuda a esclarecer mais uma dúvida sobre este movimento e as suas variantes/alterações feitas pelas marcas.

No caso da Stowa, eles vendem alguns relógios que vêm por defeito equipados com o "ETA 2824-2 basic movement" mas afirmam que, por mais 130€, podem colocar um "top finish ETA 2824-2 movement"
Falam mais sobre essa versão "top" aqui: http://thestowafan.blogspot.pt/2015/10/stowa-movements-variations.html

Já percebi que a versão, dita top, tem uns parafuzinhos azuis muito giros no movimento. Mas será esta a única diferença? Existirá algo mais para lém da estética?
avatar
pfad

Mensagens : 71
Data de inscrição : 11/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por nmfl em Qui 16 Nov 2017, 11:42

Creio que é precisamente isso, apenas uma questão estética - a função será igual.

Off-topic: também já andei a babar-me com esses Stowa de aviação, é um género de relógio que gosto e já olhei para várias marcas. Os Stowa são talvez os mais requintados mas são brutalmente caros. Shocked Do que vi, com movimento ETA e mais acessíveis, só os Steinhart.
avatar
nmfl

Mensagens : 163
Data de inscrição : 25/04/2017
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ETA 2824-2: qual o verdadeiro valor?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum